guia_pratico_visual_loja

Baixe a cartilha e confira dicas para a sua loja obter sucesso

No mercado de moda, cabe ao empresário buscar por diferencial competitivo para conquistar diariamente o cliente. No entanto, está cada vez mais difícil criar uma diferenciação a partir da mercadoria, dos preços, das promoções e da localização. Por isso, o ambiente da loja tem-se tornado uma oportunidade para criar essa diferenciação, sendo o visual merchandising (VM) uma ferramenta poderosa na conquista e na permanência de clientes no ponto de venda. O VM cuida de toda a imagem e a comunicação externa e interna da loja – layout, iluminação, temperatura, cores, aromas e sons –, ou seja, toda a atmosfera de compra.

No ponto de venda (PDV), o cliente deve se sentir confortável, perceber a concepção da marca e observar o casamento entre os elementos que a compõem, tais como mobiliário, fachada, expositores, produtos, atendimento e demais itens que a contemplam. É necessário que o cliente se sinta atraído pela marca e pela loja, de modo a ficar satisfeito uma vez dentro dela.

Sabendo disso, planejamento e ação são fundamentais para o desenvolvimento dos pequenos negócios e o fortalecimento do empreendedorismo. Neste sentido, o Sebrae no DF desenvolveu o “Guia Prático de Visual de Loja aplicado ao Comércio Varejista de Vestuário, Calçados e Acessório”, no qual ajuda o empreendedor de moda a adotar cuidados indispensáveis para o seu sucesso.

Baixe a Cartilha e confira dicas sobre a fachada, vitrine, mobiliário, circulação de clientes, e exposição de produtos e precificação, entre outros assuntos.

Fonte: Guia prático de gestão do visual de loja
Edição: Fernanda Peregrino, da FC Comunicação.